12 Curiosidades sobre o clássico Donkey Kong Country

0
12 Curiosidades sobre o clássico Donkey Kong Country
12 Curiosidades sobre o clássico Donkey Kong Country
- Advertisement -

12 Curiosidades sobre o clássico Donkey Kong Country. O grande clássico da Nintendo que levou inúmeros fãs ao delírio inclusive a mim mesmo, sempre ganhou adeptos ao game que foi um dos mais divertidos de todos os tempos. Então vamos listar aqui algumas curiosidades que acredito que todos vão gostar.

1 – O mais vendido do SNES

Com exceção de Super Mario World (distribuído gratuitamente com cada console vendido), Donkey Kong Country foi o game mais vendido do Super Nintendo. No total, foram mais de 9 milhões de cópias comercializadas em todo o mundo.

Donkey Kong Country
Donkey Kong Country

2 – Era um vilão no primeiro jogo que apareceu o Mario.

Apesar de ter se tornado um dos maiores nomes no mundo dos jogos, Mario fez sua estreia na primeira versão de Donkey Kong. O encanador não tinha nome oficial, e ficou conhecido como Jump Man, já que saltava por plataformas para salvar a princesa no final da fase.

3 – O próprio criador não gostava muito do jogo

Grande responsável pela franquia, Miyamoto surpreendeu ao expressar sua opinião sobre os jogos da série Donkey Kong Country, que não era positiva. Segundo o lendário desenvolvedor, o game tinha mecânicas medíocres, e só fez sucesso graças a seu visual de qualidade.

Shigeru Miyamoto
Shigeru Miyamoto

4 – As fazes aquáticas foram extintas

Pois é, as fazes mais difíceis nos games da série Country, as fases aquáticas dividiam a opinião dos fãs, e acabaram completamente cortadas das novas versões, Country Returns e Tropical Freeze. O motivo foi a falta de agilidade dos cenários, que demoravam mais que os tradicionais.

5 – O jogo veio como um substituto

Na verdade, o primeiro Donkey Kong não foi bem uma produção original, ele foi lançado pela Nintendo para ocupar o lugar deixado por um jogo do Popeye que ainda estava sendo desenvolvido pela empresa.

Para aproveitar parte do projeto, Miyamoto trocou os avatares do Popeye e Brutos pelo gorila e o encanador. O que mais tarde veio a se provar ter sido uma ótima ideia, já que tornou um dos maiores ícones dos games de todos os tempos.

6 – 3Ds no Wii U ?

Em Donkey Kong Country: Tropical Freeze, Donkey Kong pode ser visto jogando um Nintendo 3DS portátil. Em qualquer ponto do jogo, fique parado e, se você não faz nada por um momento, Donkey Kong tirará um 3DS azul do “bolso” de sua pele. Isso inclui vários jogos, cada vez que a animação começa, é um novo jogo. Os jogos 3DS incluem Animal Crossing: New Leaf, Mario Kart 7, Super Mario 3D Land e, obviamente, Donkey Kong Country Returns 3D.

Donkey Kong Tropical Freeze
Donkey Kong Tropical Freeze

7 – Mario, Link e Sonic em Donkey kong 2 ? 

Em Donkey Kong Country 2: Diddy Kong’s Quest, existe uma espécie de prateleira virtual, repleta de pequenos bonecos que representam os heróis do videogame. Lá é possível encontrar figuras do Mario, Yoshi, Link, Diddy Kong e até mesmo referências a Sonic.

user uploaded image

8 –  O nome Donkey Kong surgiu por engano.

Existem duas versões para essa história, na verdade. Uma delas diz que o nome escolhido por Shigeru Miyamoto teria sido “Monkey Kong“, mas teria sido traduzido errado do japonês para o inglês, pois as letras são muito parecidas. Outra história diz que o erro foi exatamente o contrário: Miyamoto achava que a balavra donkey (o animal “burro”), em inglês, poderia ser utilizada como uma ofensa, e que o nome do personagem seria “Kong Burro”. Apesar da confusão, os executivos da Nintendo americana teriam gostado do nome, e deixado como estava.

9 – Ele foi o primeiro jogo e se conseguir pular 

Donkey Kong foi o segundo jogo de plataforma da história, antecedido por Space Panic, de 1980. Enquanto em Space Panic o jogador tinha que cavar buracos para escapar dos inimigos e subir em escadas, em Donkey Kong foi inserido um botão para pular (o único do jogo), o que se tornou a marca registrada de Mario, que nem tinha este nome na época, sendo chamado apenas de Jumpman.

Donkey Kong (Jump)
Donkey Kong (Jump)

10 – Donkey Kong 3 foi o pior em vendas

Comparado com os outros dois games da série, Donkey Kong Country 3 foi o que teve a menor quantidade de cópias vendidas. O campeão comercial entre os títulos da macacada é o primeiro Donkey Kong Country, que atingiu a marca de 9,3 milhões de unidades vendidas em todo o mundo. Já Donkey Kong Country 2 teve 5,15 milhões de cópias comercializadas contra 3,51 milhões de Donkey Kong Country 3.

Donkey Kong Country 3
Donkey Kong Country 3

O número de vendas abaixo do esperado pode ser explicado pelo primeiro título tridimensional do bigodudo. Super Mario 64 havia sido lançado dois meses antes de Donkey Kong Country 3 e acabou ofuscando o game do SNES.

11 – Link de Legend of Zelda é referenciado em Donkey Kong Country 3

Quando você vai até o Bazaar’s General Store e compra uma concha, recebe a opção de perguntar ao vendedor sobre o castelo que aparece no fundo do cenário. Ele te cobrará duas moedas pela informação e se a proposta não for aceita o urso dirá que, há algumas semanas, um rapaz chamado Link esteve lá e também queria saber sobre o castelo. Entretanto, ele não tinha moedas e ofereceu alguns rupees. O garoto acabou indo embora murmurando algo sobre as conchas da loja não terem o formato adequado. Essa é uma referência a The Legend of Zelda: Link’s Awakening, que tem as conchas como itens colecionáveis.

Bazaar's General Store dkc3
Bazaar’s General Store dkc3

12 – Existe um documentário sobre Donkey Kong

O documentário, de 2007, se chama King of Kong: A Fistful of Quarters (Os Reis do Kong: Uma Disputa Acirrada) e segue dois rivais que brigam pelo recorde mundial no jogo dos fliperamas.

King of Kong A Fistful of Quarters
King of Kong A Fistful of Quarters

 

Então, gostou das curiosidades ?
Conte para nós se você sabe mais alguma que não foi listada.

 

0 0 votos
Gostou do Post?
- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários