Top 10 melhores filmes de 2023

2023 foi um ano excepcional para filmes focados em personagens, dramas históricos e thrillers asiáticos.

Resumo:

  • 🎬 2023 foi um ano excepcional para filmes focados em personagens, dramas históricos e thrillers asiáticos.
  • 🎥 “Sympathy For The Devil” é um filme com Nicholas Cage, que narra a história de um motorista em Las Vegas.
  • ✈️ “Alerta Máximo (Plane)” é um filme centrado em um avião que faz um pouso de emergência em uma região remota.
  • 🇨🇳 “No More Bets” é um filme chinês que expõe os perigos da indústria de apostas offshore.
  • 🦖 “Godzilla Minus One” se destaca como um dos melhores filmes de monstros da última década.
  • 🤼 “The Iron Claw” é um filme dedicado aos fãs de luta livre profissional dos anos 1980.
  • 🌍 “Sound of Freedom” aborda o tráfico sexual infantil e a resistência da mídia em divulgá-lo.
  • 🌟 “Switch” destaca a importância da família em meio à fama.
  • 🕹️ “Tetris” transforma a história dos videogames em uma narrativa cativante.
  • 💣 “Oppenheimer” é um filme que promete cativar e surpreender o público.

Chegamos novamente àquela época do ano em que apresentamos os 10 melhores filmes de 2023. Embora poucos filmes tenham capturado a atenção do público este ano, 2023 foi excepcional para filmes focados em personagens, dramas históricos e thrillers asiáticos. Se você ainda não conhece alguns desses filmes, recomendo que dê uma olhada – eles valem o seu tempo.

Após assistir a 107 filmes de diversas partes do mundo este ano, posso dizer que valeu a pena, especialmente após descobrir algumas verdadeiras joias ocultas. Então, sem mais demora, vamos dar as boas-vindas a 2024 com uma seleção dos melhores filmes de 2023!

10. Sympathy For The Devil filme (Simpatia pelo Diabo)

L to R: Benny Safdie is Edward Teller and Cillian Murphy is J. Robert Oppenheimer in OPPENHEIMER, written, produced, and directed by Christopher Nolan.

 

Iniciando nossa lista deste ano, o filme número 10 é “Sympathy For The Devil” (Simpatia pelo Diabo). Na última década, Nicholas Cage esteve associado a diversos filmes de VOD, que ele utilizou para se reerguer financeiramente.

“Sympathy For The Devil” é um filme que narra a história de um jovem pai, conhecido apenas como motorista, que chega a um hospital de Las Vegas enquanto espera o nascimento de seu filho, com sua esposa em trabalho de parto.

No entanto, antes de conseguir entrar no hospital, ele é interrompido por um homem identificado apenas como passageiro (interpretado por Cage), que o ameaça com uma arma e exige que ele o leve ao seu destino.

Este filme possui a notável habilidade de criar uma bela obra com recursos limitados, um exemplo do tipo de cinema que a indústria americana deveria valorizar mais.

Cage e Kinnaman são, de fato, os únicos dois atores do filme que dão vida e respiram a dinâmica de seus personagens. “Simpatia pelo Diabo” é um filme de grande êxito e, sem revelar spoilers, Nicolas Cage, embora inicialmente maníaco, não parece tão insano conforme a trama se desenrola até o final.

09. Alerta Máximo (Plane)

Mike Colter como Louis Gaspare e Gerard Butler como Brodie Torrance em Avião. Crédito da foto: Kenneth Rexach

Alerta Máximo (Plane) é um filme que cumpre exatamente o que promete: uma narrativa centrada em um avião. Estrelado por Gerald Butler, que interpreta um piloto comercial, o filme acompanha um voo curto com um pequeno grupo de passageiros e um transporte prisional.

Quando uma tempestade ameaça complicar a situação para os pilotos, e após o avião ser atingido por um raio, um pouso de emergência é feito na ilha de Jolo, uma região remota das Filipinas controlada por milícias antigovernamentais fortemente armadas.

A trama se mantém simples, sem se tornar confusa ou perder o fio da meada. O filme é tão direto que quase parece um resgate dos filmes de ação da década de 1990, quando este gênero dominava. Todos os elementos clássicos dos filmes de ação estão presentes: explosões, tiroteios e protagonistas masculinos fortes. “Alerta Máximo” é o típico filme B que o público precisa, especialmente em um momento em que os filmes A estão decepcionando.

08. Alerta Máximo (No More Bets)

Top 10 melhores filmes de 2023 3

O jogo tornou-se uma parte significativa da cultura americana e ocidental, mas como as letras miúdas de um contrato, seus perigos e consequências negativas raramente são discutidos quando a indústria busca popularidade. O oitavo lugar na nossa lista é ocupado por “No More Bets”, um filme que vem diretamente da China.

“No More Bets” conta a história de Pan Sheng (interpretado por Lay Zhang), um programador que é seduzido por uma proposta de emprego supostamente lucrativa no exterior. Contudo, ele e um grupo de colegas descobrem que a promessa de emprego é uma armadilha, e acabam em uma fábrica fraudulenta, assemelhando-se a um campo de trabalho forçado.

O filme retrata questões da vida real, abordando o que acontece nos bastidores de muitas plataformas de apostas offshore ao redor do mundo. “No More Bets” é uma exposição do lado obscuro da busca pelo dinheiro, mostrando até que ponto algumas pessoas estão dispostas a ir para obter ganhos financeiros, mesmo que isso signifique prejudicar a si mesmas e aos outros. Este filme revelador é uma obra que todos deveriam assistir antes de investir em reservas de apostas duvidosas no exterior.

07. Godzilla Minus One

Uma olhada em Godzilla de Godzilla Minus One. Propriedade da imagem de Toho.

Para os fãs de Godzilla nos Estados Unidos, as últimas décadas foram desafiadoras. “Godzilla Minus One” destaca-se como um dos melhores filmes de monstros da última década, graças à sua habilidade em fazer o público se importar com os personagens humanos; uma realização brilhantemente executada.

“Godzilla Minus One” é uma história de redenção centrada em um homem assombrado pela covardia. Lutando para lidar com a culpa de uma missão fracassada, ele recebe uma segunda chance de ser herói quando sua cidade mais precisa. O filme é uma homenagem aos primórdios de Godzilla, retratando a criatura como uma fera monstruosa focada unicamente em causar morte e destruição. Uma lembrança dos primeiros tempos de Godzilla, marcados por produções de baixo orçamento e fantasias um tanto quanto cafonas.

Produzido com um orçamento inferior a US$ 15 milhões, “Godzilla Minus One” é modesto se comparado aos quase US$ 200 milhões investidos em produções americanas recentes. No entanto, é inegável que “Godzilla Minus One” é uma vitória absoluta para os fãs do gênero. O filme combina uma emocionante história, excelente ritmo e desastres espetaculares na tela, rivalizando com a atual situação financeira da Disney.

06. The Iron Claw (Garra de Ferro)

Zac Efron como Kevin Von Erich em A Garra de Ferro (2023), Access Entertainment

Se você é um fã de luta livre profissional, certamente conhece a famosa família Von Erich, uma dinastia do wrestling que ganhou fama na década de 1980 e teve um declínio trágico. Meu sexto lugar é dedicado a um filme que vai encantar todos os fãs de luta livre.

“The Iron Claw” é uma excelente escolha para o público geral, que talvez não esteja familiarizado com os bastidores do wrestling profissional dos anos 1980. Para os fãs mais dedicados e antigos, o filme traz nomes conhecidos como Rick Flair, Dusty Rhodes e Harley Race.

O filme foca nos valores familiares. A atuação de Zac Efron como Kevin Von Erich é o ponto de conexão do público com a família Von Erich, mostrando que, para eles, existem apenas duas coisas importantes: a família e a luta livre.

Efron merece reconhecimento pela transformação física impressionante para interpretar Kevin Von Erich. “The Iron Claw” é, sem dúvida, um dos melhores filmes do ano, mas pode ser uma experiência desafiadora para quem tem um histórico familiar complicado. O Pro Wrestling pode ser encenado, mas a história retratada neste filme é incrivelmente real.

05. Som da Liberdade (Sound of Freedom)

O primeiro dos cinco primeiros filmes é “Sound of Freedom” (Som da Liberdade), o filme que mais causou controvérsia em Hollywood em 2023. Produzido em 2018 pela 20th Century Fox, acabou arquivado pela Disney após a fusão das empresas. Nos anos seguintes, a mídia começou a questionar a credibilidade de Tim Ballard e da Operation Underground Railroad (OUR), uma organização de combate ao tráfico sexual que realizou diversas operações policiais globais.

Mídias como Vice News e Slate criticaram a organização, tentando associá-la ao QAnon e questionando sua legitimidade. Houve uma tentativa de desacreditar os esforços de Tim Ballard em expor o tráfico sexual infantil mundial. “Som da Liberdade” é um dos filmes mais importantes das últimas décadas, abordando superficialmente um problema muito maior. A realidade dessas atividades é chocante e perturbadora, e há uma aparente resistência da mídia em divulgar as pessoas por trás desses crimes.

O filme força o público a encarar uma realidade que não pode mais ser ignorada. Embora não seja sexualmente explícito, grande parte do conteúdo é perturbador, especialmente as cenas envolvendo crianças em situações vulneráveis. O desconforto não vem da representação, mas do fato de que isso acontece diariamente com crianças na África, no Oriente Médio, na Europa Oriental e nos Estados Unidos. Se as principais organizações de mídia do mundo sugerem que você não assista a algo, talvez seja exatamente isso que você precisa ver.

04. Switch

Top 10 melhores filmes de 2023 4

Ser uma celebridade mundialmente famosa traz suas vantagens, como riquezas, atenção e a liberdade de escolher seu próprio caminho. Contudo, a realidade por trás do glamour da fama pode ter um custo elevado. Nossa lista segue para a Coreia do Sul com o próximo filme.

“Switch” é um filme que combina elementos de “Freaky Friday” e “A Christmas Carol”, sendo um dos mais positivos e emocionantes do ano. A comédia, um gênero que perdeu seu brilho nas últimas décadas no cinema americano, é resgatada neste filme com a mensagem de que a família é mais importante que a fama.

Park Kang é um ator superficial cuja vida, além dos bens materiais, não tem muito significado. A trama o desafia a se afastar de seu status e a focar no que realmente importa na vida, coisas das quais ele se distanciou durante a maior parte de sua carreira.

Inicialmente, ele resiste à ideia de ser um pai presente, lidar com crianças pequenas e aprender a ser um bom marido. Mas, aos poucos, ele descobre que esta é a parte mais genuína de sua vida, passando a valorizá-la mais. “Switch” é uma comédia tradicional e alegre, destacando-se como um dos melhores filmes do ano. Com um ritmo agradável, deixa o público com uma visão otimista da vida, um luxo no cinema moderno. Portanto, é um filme imperdível.

 

02. Tetris

Henk Rogers (Taron Egerton) é apresentado pela primeira vez ao Nintendo Game Boy em Tetris (2023), Apple Studios

Em teoria, um filme sobre Tetris poderia não parecer emocionante, a não ser que você se lembre da febre que esse jogo causou no final dos anos 1980.

O filme se passa no final dessa década, em meio ao contexto da iminente queda da URSS e da Alemanha. Na época, as tensões entre Estados Unidos e Rússia eram altas, e a ideia de um homem querendo comprar os direitos de um videogame era vista como uma ameaça ao Estado, simbolizando a penetração do capitalismo.

Taron Egerton entrega uma atuação marcante como o designer de videogames Henk Rogers. O filme consegue transformar o tema em uma narrativa cativante, mantendo um ritmo consistente ao longo das quase duas horas de duração.

Sofia Lebedeva, ainda no início de sua carreira, impressiona com o pouco tempo de tela que tem, interpretando de forma convincente dois personagens distintos: uma intérprete ingênua e uma oficial mais rígida da KGB, defendendo a segurança nacional do país.

“Tetris” é uma joia rara no acervo de filmes de serviços de streaming, destacando-se como um grande filme, capaz de cativar e surpreender o público.

01. Oppenheimer

O primeiro lugar de 2023 não é uma surpresa. Christopher Nolan é um dos poucos cineastas em Hollywood capaz de inspirar os atores a darem o seu melhor, e “Oppenheimer” é um exemplo perfeito disso.

“Oppenheimer” se destaca por suas atuações extraordinárias. Com um elenco de renome, incluindo Robert Downey Jr., Matt Damon e Emily Blunt, cada ator dedicou coração e alma aos seus personagens. As performances de Downey Jr. e Blunt, em particular, são dignas de atenção e possivelmente serão reconhecidas na temporada do Oscar.

Um aspecto notável do filme é a surpresa proporcionada por atores de quem menos se esperava. Alden Ehrenreich, anteriormente criticado pela Lucasfilm por suposta falta de talento, entrega uma das atuações mais memoráveis do filme.

A habilidade de Nolan em extrair o melhor de seus atores é evidente em “Oppenheimer”. Apesar de algumas questões de ritmo no início, o filme rapidamente captura a atenção do público, que mal percebe as três horas de duração.

Não há muito a dizer sobre “Oppenheimer” sem entrar em spoilers. O filme merece uma nota A+ pelo esforço conjunto de todos os envolvidos. É uma obra que merece ser apreciada na tela grande, um testemunho do talento excepcional de Nolan e de seu elenco.

 

Fonte: Boundingintocomics

 

Deixe seu comentário