Nvidia Deep Learning Anti-Aliasing será lançado em Elder Scrolls Online

Tendo acabado de receber uma atualização gráfica, a épica fantasia multijogador da Bethesda, The Elder Scrolls Online, também receberá um privilégio exclusivo da Nvidia.

0
Nvidia Deep Learning Anti-Aliasing será lançado em Elder Scrolls Online
Nvidia Deep Learning Anti-Aliasing será lançado em Elder Scrolls Online
- Advertisement -

The Elder Scrolls Online não causou muito impacto quando foi lançado em 2014. No entanto, o jogo deu um salto nos últimos anos. Com o título épico de fantasia online da Bethesda recebendo atualizações gráficas, que foram ao ar no final do mês passado, é evidente que a base de fãs ainda quer mais do MMORPG. Agora, desenvolvimentos recentes dizem que o jogo está prestes a receber algo como um recurso exclusivo da Nvidia.

De acordo com a WCCF Tech, The Elder Scrolls Online terá acesso ao Deep Learning Anti-Aliasing da Nvidia, ou DLAA, que estreará no título multiplayer de fantasia. Fontes indicam que o que essa nova tecnologia fará é aprimorar o visual do jogo, que terá um foco puramente na qualidade visual, em oposição ao desempenho. O relatório continua dizendo que o que é DLAA é essencialmente uma versão simplificada do Deep Learning Super Sampling da Nvidia, ou DLSS, só que sem a tecnologia de aumento de escala de imagem.

Para quem não sabe, o DLSS está se tornando o padrão da indústria para videogames modernos. Ele foi criado pela Nvidia e funciona por meio de um algoritmo que redesenha os pixels em um jogo para torná-lo comparável aos gráficos nativos de alta resolução sem comprometer o desempenho. Embora o DLAA não tenha o recurso de aumento de escala, ele oferece alguns poderes anti-aliasing aparentemente impressionantes, que cria gráficos mais suaves ao misturar as bordas irregulares da imagem. É muito mais complicado do que isso, mas esse é o resultado final em sua forma mais simples.

Nvidia Deep Learning Anti-Aliasing será lançado em Elder Scrolls Online 1

Muita coisa mudou em Elder Scrolls Online desde que foi lançado, e a introdução exclusiva do DLAA da Nvidia é apenas uma maneira adicional de manter o jogo atualizado. O jogo recebeu críticas mistas quando foi lançado, mas desde então passou por algumas melhorias. Uma das coisas que o estúdio fez foi remover a assinatura necessária em 2015, o que pode ter contribuído para a resposta medíocre que o jogo recebeu no início.

Em março, o ESO ultrapassou 18 milhões de jogadores, mostrando o quão longe as coisas avançaram nos últimos sete anos. Com o jogo agora se tornando privado dessa nova tecnologia, há uma chance de ele se tornar o garoto propaganda do Deep Learning Anti-Aliasing da Nvidia, que está sendo apontado por especialistas da indústria como uma maravilha em visuais de videogame.

The Elder Scrolls Online já está disponível para PC, PS4, PS5, Stadia, Xbox One e Xbox Series X | S.

Fonte: WCCF Tech

0 0 votos
Gostou do Post?
- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários