Nem o Superman consegue derrotar Godzilla e HQ da DC prova isso

Godzilla fez algo que poucos personagens da DC conseguiram fazer: derrubar o Superman.

Quando o Titã foi trazido para o Universo DC, ele se encontrou cara a cara com o Homem de Aço, que descobriu quão poderoso era o sopro atômico de Godzilla.

Agora, Superman enfrenta a batalha mais difícil desde sua luta com Apocalypse.

Em uma prévia de Justice League vs. Godzilla vs. Kong #4, de Brian Buccellato e Christian Duce, os heróis estão ajudando a limpar a destruição causada pela primeira luta entre Godzilla e Superman.

Para derrotar a Liga da Justiça de uma vez por todas, o Toyman usou a Dreamstone para transportar vários Titãs do Monsterverse para o Universo DC.

O plano foi eficaz, pois os kaijus imediatamente começaram a destruir locais famosos como Themyscira e Gotham.

Metrópolis, infelizmente, sofreu o pior, pois o Rei dos Monstros chegou, forçando Superman a defender sua cidade. Superman se uniu à Mulher-Gavião e Shazam para derrubar o lagarto gigante, mas ele era simplesmente muito poderoso.

Superman leva o supro atômico de Godzilla em cheio

Godzilla derruba o Superman

Superman foi forçado a proteger Billy Batson, vulnerável ao sopro atômico de Godzilla, e recebeu todo o impacto, deixando-o fora de combate e coberto por queimaduras de radiação.

Os fãs do Superman sabem que esta não é a primeira vez que um monstro fora de controle atingiu Clark Kent tão forte a ponto de ele não conseguir se recuperar.

Apocalypse fez exatamente a mesma coisa quando sua fúria terminou com a morte de Clark. Embora semelhante, esta situação é ligeiramente pior. Quando Apocalypse derrotou Superman, Clark pelo menos conseguiu interromper o reinado de terror de seu inimigo.

Mas Superman subestimou quão poderoso era o sopro atômico de Godzilla quando escolheu salvar Billy. Agora, Superman está lutando para voltar à vida enquanto Godzilla continua sua destruição pelo Universo DC.

Justice League vs. Godzilla vs. Kong #4 está à venda pela DC Comics nos EUA.


Fonte

Deixe seu comentário