Por que A Casa do Dragão mudou de abertura?

A 2ª temporada de A Casa do Dragão estreou no Max e na HBO, trazendo uma nova abertura. Vamos ver o porquê da mudança.

Nesse segundo ano, a guerra entre Rhaenyra e Aegon II começa de verdade, com o reino dividido entre os dois lados.

A nova temporada de A Casa do Dragão foi filmada no Reino Unido e na Espanha, que também serviu de palco para a primeira temporada e diversas cenas de Game of Thrones.

A série conta com um novo showrunner. Miguel Sapochnik, um dos criadores de A Casa do Dragão, pegou todos de surpresa quando anunciou que não retornaria para a segunda temporada. Ele revelou que gostaria de dar um tempo da franquia, mas o principal motivo é que o showrunner e a HBO tiveram grandes diferenças criativas sobre A Casa do Dragão.

Apesar disso, Sapochnik continua como produtor executivo. O roteirista Ryan Condal assumiu o cargo de novo showrunner.

Retornam ao elenco da segunda temporada, Emma D’Arcy (Rhaenyra Targaryen), Matt Smith (Daemon Targaryen), Olivia Cooke (Alicent Hightower), Eve Best (Princesa Rhaenys Targaryen), Steve Toussaint (Corlys Velaryon), Fabien Frankel (Ser Criston Cole), Ewan Mitchell (Príncipe Aemond Targaryen), Tom Glynn-Carney (Aegon II Targaryen), Sonoya Mizuno (Mysaria) e Rhys Ifans (Otto Hightower).

Outros membros do elenco que retornam para a segunda temporada incluem Harry Collett (Jace Velaryon), Bethany Antonia (Baela Targaryen), Phoebe Campbell (Rhaena Targaryen), Phia Saban (Helaena Targaryen), Jefferson Hall (Jason Lannister) e Matthew Needham (Larys Strong).

Continue lendo para saber por que A Casa do Dragão mudou de abertura.

Aegon II em A Casa do Dragão

Por que A Casa do Dragão tem nova abertura

A abertura da primeira temporada de A Casa do Dragão mostrava o modelo da antiga Valíria, com um rastro de sangue indo de nódulo em nódulo, que simbolizava cada personagem da série.

Já na segunda, vemos uma tapeçaria medieval sendo tecida, trazendo a história dos Targaryen antes da Dança dos Dragões e até o momento presente do seriado.

O THR perguntou ao criador e showrunner da série, Ryan Condal, por que os créditos foram alterados e o que mais o atraiu no novo design.

“A incrível sequência de abertura da série original nos colocou em um lugar onde – não que estivéssemos tentando superá-la, mas que estávamos tentando continuar a tradição de uma sequência de créditos em evolução que muda”, disse Condal.

“Na série original, os créditos mudam à medida que a série muda de geografia, mostrando cada vez mais de Westeros. Queríamos continuar isso com nossa sequência de título, mas quando chegamos ao final da primeira temporada, percebemos que a história de linhagem e ancestralidade que estávamos contando naquela temporada – 20 anos de tempo na primeira temporada – tinha chegado ao fim, porque agora a ancestralidade dos Targaryen está mais ou menos definida. Não tínhamos muito para onde ir”.

“Então decidimos fazer uma mudança radical. Agora que a página virou e estamos em guerra, esta é uma história viva e queremos retratar essa história de forma visual e dar aos fãs coisas novas para desmontar e mergulhar. Uma empresa de títulos muito boa, chamada yU+co, entrou em contato comigo e eu lhes propus a Tapeçaria de Bayeux, uma famosa obra de arte que é, ao mesmo tempo, uma peça de arte e a história de um período muito particular da história medieval. Muito do que sabemos sobre combate medieval, sobre vestimentas e costumes medievais, vem desse tipo de história visual”, continuou Condal.

“E esses caras pegaram isso, trabalharam com isso e voltaram com isso, e eu adorei”, disse ele. “Isso nos dá muitos lugares para ir. A história obviamente começa em Valeria e, em algum momento da sequência, você pensa: ‘Ah, eu me lembro disso da primeira temporada’ e vê como saímos do tempo de Aegon, o Conquistador, e passamos por todos os reis, e agora estamos contando a história à medida que a vemos se desenrolar e também a vemos sendo literalmente costurada nessa tapeçaria.”

A Casa do Dragão está disponível no Max. Veja a nova abertura, abaixo.


Fonte 

Deixe seu comentário