O que Causou o Surto de Zumbis de Eu Sou a Lenda?

Eu Sou a Lenda é um dos grandes filmes apocalípticos modernos, e aqui exploramos como a eclosão ocorreu no filme e no romance de mesmo nome.

0
- Advertisement -

Eu Sou a Lenda (I Am Legend) é estrelado por Will Smith como o Dr. Robert Neville, um virologista que vive na cidade de Nova York com seu cachorro Sam depois que um evento apocalíptico global  quase exterminou toda a humanidade. Robert passa seus dias coletando suprimentos, fortificando sua casa e continuando seus estudos para encontrar uma cura para a doença que transformou a maioria da população em mutantes hostis. O filme realmente aborda os primeiros dias do surto e explora brevemente a causa do surto da doença que Robert está tentando curar. A causa realmente difere do romance original de mesmo nome escrito por Richard Matheson, e a seguir exploraremos as duas origens da trágica doença.

I Am Legend Infection Source – Novel Edition Livro

O que Causou o Surto de Zumbis de Eu Sou a Lenda? 1

A premissa básica da adaptação cinematográfica é essencialmente a mesma do romance original. O romance é uma grande influência na literatura de vampiros e zumbis e na cultura popular que se seguiu, e há três filmes baseados no livro, incluindo Eu Sou a Lenda. No romance,  Robert Neville acredita ser o último sobrevivente da humanidade em uma missão para descobrir a cura para a doença que transformou a maioria da população em monstros semelhantes a vampiros. Essas criaturas têm as marcas dos mitos dos vampiros, incluindo uma aversão ao alho e à luz do sol.

Neville começa o romance em modo de pura sobrevivência, escondendo-se em sua casa à noite enquanto é aterrorizado pelos infectados. Durante o dia, ele está matando o máximo de infectados que pode, enfiando estacas em seus corações.

Eventualmente, ele decide que deve fazer mais do que simplesmente sobreviver e começa sua missão para descobrir uma cura. Essa missão o leva a descobrir que a raiz da doença vem de uma bactéria que também tem aversão ao sol e ao alho. Assim, a fonte da infecção no romance é uma mutação natural da bactéria que se espalha rapidamente pelos humanos.

Eu Sou a Lenda – Edição De Filme De 2007

O que Causou o Surto de Zumbis de Eu Sou a Lenda? 2

A maior liberdade tomada na adaptação para o cinema de 2007 de Eu Sou a Lenda é inegavelmente o final; no entanto, existem outras alterações no material de origem que ocorrem antes mesmo disso e que incluem a fonte real da infecção. Para começar, Robert Neville trabalha para o exército dos Estados Unidos como virologista. Isso o torna particularmente preparado para buscar uma cura para o fim do mundo, mas, também, o filme afasta a verdadeira fonte da infecção de uma mutação que ocorre naturalmente nas bactérias. No filme, a fonte da infecção foi, em vez disso, artificial.

Durante as sequências definidas antes do filme, e durante o surto inicial da infecção, Emma Thompson aparece como Dra. Alice Krippin. Krippin desenvolveu o que ela pensa ser a cura para o câncer, e isso acaba sendo um grande avanço científico, embora não da maneira que ela, ou o resto da humanidade, esperava. Em vez de acabar com a doença, na verdade se torna o vírus que infecta a raça humana e os transforma em Darkseekers. Como resultado, Neville chama a doença de Vírus Krippin.

Esta cura para o câncer foi desenvolvida a partir do vírus do sarampo, mas o novo vírus é instável e sofre mutações fora de seu uso pretendido. Em vez de salvar a humanidade, ele dá aos infectados sintomas semelhantes aos da raiva e os infectados se tornam Darkseekers.

Embora alguns humanos sejam imunes ao vírus Krippin, como Robert, a maior parte da população mundial está infectada. Robert consegue eventualmente criar uma cura, a qual ele morre protegendo e garante sua entrega a um campo de sobreviventes. Embora a fonte da infecção venha de boas intenções, no final das contas quase exterminou toda a humanidade.

Fonte Principal

0 0 votos
Gostou do Post?
- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários