Cowboy Bebop: Por que a Netflix cancelou esta adaptação em live-action

A Netflix cancelou Cowboy Bebop após apenas uma temporada. Depois de todo o hype e dinheiro que entrou nesta série, o streamer não gostou dos retornos.

Quando a Netflix anunciou em 2017 que gastaria mais de US$ 8 bilhões de dólares (sim, com um “B”) em conteúdo, o queixo caiu. A Netflix não apenas trazia conteúdo popular, mas também produzia seus próprios originais. Entre esses originais, a Netflix estava entrando no mercado de anime, transformando o amado anime Cowboy Bebop em uma série de ação ao vivo do Cowboy Bebop.

Mas as coisas deram errado com esta adaptação live-action de Cowboy Bebop e depois que foi lançada, os retornos simplesmente não estavam lá em termos de audiência, classificações ou envolvimento dos fãs.

COWBOY BEBOP CANCELADO PELA NETFLIX

O live-action Cowboy Bebop foi lançado pela Netflix em 19 de novembro de 2021, e todos os 10 episódios foram lançados para os fãs mergulharem. John Cho, Mustafa Shakir e Daniella Pineda foram o trio principal e o programa adaptou o popular filme de anime de mesmo nome. Com todo o hype necessário, parecia que o streamer poderia ter um verdadeiro vencedor em suas mãos.

Mas tão rapidamente quanto chegou, houve a notícia de que o Cowboy Bebop live-action estava sendo cancelado. Para começar, os críticos não concordaram com o que viram aqui e no Rotten Tomatoes a primeira temporada do programa está com apenas 46%. Sequências de ação desajeitadas, diálogos empolados e uma sensação de que o valor da produção não estava à altura de uma imaginação de ação ao vivo da série popular foram citados como problemas, e é fácil concordar com a avaliação. A frieza dos personagens e os cenários pareciam que poderiam levar essa produção, mas simplesmente não deu tudo certo.

E de acordo com o The Hollywood Reporter na época, enquanto o live-action Cowboy Bebop teve cerca de 74 milhões de horas de streaming na Netflix na primeira semana, houve uma queda na segunda semana que sinalizou notícias terríveis para o show. Só não estava pegando um público maior.

De acordo com minha própria opinião o problema foi que descaracterizaram muito a história e olha que os personagens tem uma boa caracterização, mas o conteúdo ficou uma bosta se comparado com original, para não falar de todo identitarismo que colocaram na série e ainda tentaram usar isso como propaganda o que só afasta qualquer amante de anime.
Mas isso não funcionou justamente porque a história não prende ninguém e ficar tentando lacrar o tempo todo não faz a série melhor, além de focar muito em personagens que não tem muito destaque no próprio anime, trazendo-os como se fosse o próprio personagem principal e claro colocando o personagem principal em segundo plano.

Foi uma pena também porque havia motivos para acreditar, nos anos que antecederam o lançamento, que esse show realmente chegaria aqui com o público certo. Isso não aconteceu. Vamos dar uma olhada no que aconteceu para fazer o Cowboy Bebop live-action na Netflix.

O MUNDO DO ANIME DA NETFLIX

Cowboy Bebop: Por que a Netflix cancelou esta adaptação em live-action 3

O mundo do anime não era novo para a Netflix desde 2014, eles estavam criando seu próprio conteúdo de anime original há algum tempo. John Derderian, diretor de Japão e Anime da Netflix, disse à Variety : “Nós distribuímos anime por muitos anos desde os dias do DVD. Quando começamos a fazer streaming, era apenas uma base de fãs tão importante que vimos muito envolvimento quando colocamos algo muito antigo e não exclusivo. Então, isso nos levou a, cerca de cinco ou seis anos atrás, começar a co-produzir anime, onde entraríamos como pré-compradores ou investidores iniciais do programa e obteríamos direitos globais.”

A Netflix tinha aproximadamente 30 projetos de anime funcionando, então não deve ser surpresa quando eles também anunciaram que estavam pegando um anime popular e transformando-o em uma série de ação ao vivo. Este é do final dos anos 90, Cowboy Bebop.

O QUE É COWBOY BEBOP?

Cowboy Bebop: Por que a Netflix cancelou esta adaptação em live-action 4

O anime Cowboy Bebop se passa em 2071, quase cinquenta anos depois que a Terra se tornou praticamente inabitável por um acidente com um portal do hiperespaço. Desde aquela época, o sistema solar viu a humanidade colonizar a maioria das luas e planetas rochosos. Mas a taxa de criminalidade está aumentando e a Polícia do Sistema Solar Interno legalizou um sistema de contrato onde caçadores de recompensas (também conhecidos como Cowboys) rastreiam criminosos e os trazem para uma recompensa. Os caçadores de recompensas desta série trabalham em uma nave espacial chamada Bebop.

Cowboy Bebop teve 26 episódios e foi o primeiro anime a ser exibido no Adult Swim . A série se concentrou em Spike Spiegel, um caçador de recompensas que é um ex-assassino do Red Dragon Syndicate, e seu parceiro Jet Black. Eles são eventualmente acompanhados por Faye Valentine, Edward Wong (que, apesar do nome, é uma mulher) e Ein (um corgi). O arco principal focou em Spike e sua guerra com Vicious, ex-parceiros e amigos. Vicious é agora o chefe do Red Dragon Syndicate.

O ELENCO DE COWBOY BEBOP

John Cho como Spike Spiegel

John Cho como Spike Spiegel

John Cho ( The Grudge, Star Trek ) estrelou o live-action Cowboy Bebop como o principal cowboy, Spike Spiegel. Em uma declaração ao Hollywood Reporter , a Netflix descreveu o personagem de Cho. Eles disseram que seu Spiegel é “um ‘cowboy’ (caçador de recompensas) incrivelmente legal com um sorriso mortal, um humor irônico e estilo de sobra. Ele viaja pelo sistema solar com seu ex-parceiro policial, Jet, perseguindo as recompensas mais perigosas do futuro com uma combinação de charme, carisma – e o mortal Jeet Kune Do.”

Alex Hassell (visto pela última vez em The Boys ) interpretaria o ex-parceiro e amigo de Spiegel, Vicious. O passado deles tem um preço não apenas na amizade, mas na mulher que ambos amavam. Julia era a namorada de Vicious até que Spike e Julia decidiram que queriam fugir. Isso obviamente não deu certo com Vicious.

Mustafa Shakir como Jet Black

Mustafa Shakir como Jet Black

No live-action Cowboy Bebop da Netflix , Mustafa Shakir ( Luke Cage ) se juntou a Cho como seu parceiro no crime, Jet Black. Como capitão do Bebop, Black foi um dos poucos policiais honestos que restaram antes que a traição final roubasse de Black tudo o que ele amava. Isso o forçou à vida de um caçador de recompensas para sobreviver.

Danielle Pineda ( Jurassic World ) é Faye Valentine, a vigarista amnésica que está fugindo de sua enorme dívida médica.

Daniella Pineda como Faye Valentine

Daniella Pineda como Faye Valentine

Elena Satine ( Twin Peaks, The Gifted ) estrela como Julia, a garota com quem Spike deveria fugir e a razão pela qual Vicious quer matá-lo.

E, finalmente, colocando os rumores para descansar, um corgi real retratou Ein na ação ao vivo Cowboy Bebop , um cão geneticamente modificado com inteligência semelhante à humana. Os fãs ficaram confusos quando um blog do Bebop postou que um husky estava substituindo um corgi como Ein, mas não é verdade. O produtor executivo/escritor Christopher L. Yost ( Thor: Ragnarok ) finalmente esclareceu o boato em sua página no Twitter , dizendo aos fãs do Bebop o que eles queriam ouvir. Ein é um corgi. De fato, a Netflix compartilhou uma breve visão dos bastidores do Bebop como uma maneira perfeita de confirmar isso….

A EQUIPE CRIATIVA

Alex Garcia Lopez ( Demolidor, The Witcher ) foi a escolha da Netflix para dirigir o live-action Cowboy Bebop . Doze escritores estavam a bordo para ajudar a formar a história, sendo o produtor executivo Christopher L. Yost um deles.

Outro ponto positivo para a equipe de produção do live-action Cowboy Bebop foi que Shinichiro Watanabe, que dirigiu o anime original, foi contratado como consultor para a série.

DATA DE LANÇAMENTO DO LIVE-ACTION COWBOY BEBOP

Como afirmado, o live-action Cowboy Bebop foi lançado na Netflix em novembro de 2021. A produção da série live-action foi oficialmente suspensa devido a um acidente com a estrela da série John Cho. Este acidente foi descrito como uma aberração que ocorreu no set de Cowboy Bebop durante a última tomada de uma rotina que havia sido bem ensaiada pela estrela. A lesão forçou Cho a fazer uma cirurgia e depois uma extensa reabilitação antes que eles pudessem retomar as filmagens.

Cho postou seus agradecimentos no Instagram para seus fãs e disse que estava se recuperando.

 

 

View this post on Instagram

 

A post shared by John Cho (@johnthecho)

Dado o compromisso que a Netflix fez de trazer conteúdo original para o serviço de streaming, um Cowboy Bebop de ação ao vivo parecia um investimento sábio. A série já tem uma base de fãs forte e parecia ser peculiar o suficiente para trazer novos fãs. Mas como sempre a direção WOKE e todo o identitarismo estragou mais uma obra que poderia ter sido um grande sucesso.

 

 

Deixe seu comentário